Notícias

Fique por dentro do que acontece na sua Caixa

CAAB apoia projeto social do Antônio Vieira e faz doação de alimentos para creches do subúrbio ferroviário

_CAB0069

Em mais uma ação social, a Caixa de Assistência apoiou um projeto desenvolvido pelo Colégio Antônio Vieira e fez doação de alimentos para as creches Associação Criança Feliz, localizada no Rio Sena, e Creche Escola e Orfanato Mãe Nildete, que fica no Alto de Coutos, ambas no subúrbio ferroviário de Salvador. Os alimentos foram arrecadados em uma ação do projeto ADVcultural CAAB que trocou por alimentos ingressos para a peça ‘Luiz Gama – uma voz pela liberdade’, encenada no Teatro Jorge Amado no dia 09 de agosto. O diretor Erenaldo de Sousa e a assistente social Deniele Eloy acompanharam a entrega das doações. Confira galeria de fotos abaixo.

Para Daniele Eloy, o assistencialismo em prol da questão social é fundamental para o exercício da cidadania e do voluntariado. “Doar e dar atenção às pessoas em situação de vulnerabilidade social é um ato de grandeza, principalmente por se tratar de crianças. É gratificante receber um olhar, um abraço. É muito bom”, afirmou.

“Eu fiz um encontro em formação integral no Vieira e uma das partes do encontro era realizar uma missão. Escolhi o trabalho nas comunidades de Rio Sena e Alto de Coutos, onde fiquei por três dias nas instituições vivenciando o dia a dia de cada uma e aprendendo um pouco mais com o projeto. São comunidades que passam por dificuldades e precisam de ajuda, até porque não cotam com o apoio do governo. Sobrevivem com doações. Daí a importância do nosso apoio e isso me fez abraçar o trabalho desenvolvido por essas duas creches”, disse Ludmila Coutinho, aluna do 2º ano do ensino médio do Antônio Vieira

_CAB0111

Ludmila Coutinho (à esq.), Erelando de Sousa, Nildete de Souza, Daniele Eloy e Paulão

Idealizadora da creche, em 1998, Nildete de Souza conta que atualmente cuida de 160 crianças carentes, das quais 120 em turno integral. “Aos sábados, domingos e feriados atendemos mais de 40 deles. Toda doação é importante e ajuda muito. Tivemos a sorte de contar com a ajuda de Luciano Huck que fez uma reforma geral na creche e nos deu uma série de equipamentos. No entanto, o que recebemos de alimento já acabou e é por isso que pedimos e aceitamos de bom coração todas as doações, inclusive de roupas, brinquedos, material de higiene pessoal e limpeza. As doações nos permitem continuar com o atendimento a essas crianças”, acrescenta informado os número de contato da creche: 71 3521-9193 e 98694-9429.

José Paulo – Paulão – tem papel importante no projeto e ele que faz a busca por instituições que estão necessitando com urgência de doações, especialmente alimentos. “Fazemos um trabalho de voluntariado e procuramos ajudar instituições que atendem crianças carentes. Essas duas creches, no entanto, foram incluídas em um programa social do Vieira no qual alunos passam uma temporada convivendo com a comunidade para entender suas demandas. É o caso de Ludmila Coutinho, que este ano fez essa experiência. Ela então viabilizou o contato do Vieira com a CAAB, o que foi de grande importância para as creches. Fico feliz em participar do projeto e, juntamente com os alunos do Vieira, poder ajudar a quem precisa”.

“Temos hoje 180 crianças de até cinco anos matriculadas e por isso precisamos de apoio, de recursos e principalmente doação de alimentos. São crianças de famílias de extrema pobreza e que cuidamos em tempo integral. Há casos também de mães grávidas que recebem nossa ajuda. Temos redes sociais pelas quais as pessoas que querem nos ajudar podem fazer contato: @acefoficial, www.criancaefamilia.org, Associação Criança e Família no Youtube e o facebook.com/associacaocriancaefamilia, além do e-mails [email protected] Caso a pessoa queria também pode ajudar com depósito identificado em conta no Bradesco cuja agência é 3001-5, conta 138.557-7 e o nosso CNPJ é 02.920.944/0001-02. Nosso contado também pode ser pelos telefones 71 3398-2945 e 3401-5019”, disse Vanessa Rodrigues, uma das coordenadoras da instituição, ressaltando que as doações são de grande valor.

Texto e fotos: Clécio Max

 

Deixe seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.