Notícias

Fique por dentro do que acontece na sua Caixa

Campanha da CAAB é destaque no seminário ‘Mulher em Foco’ da ESA

A Campanha ‘Advogada, respeite uma: Respeite TODOS!’, lançada em abril pela Caixa de Assistência dos Advogados do Estado da Bahia (CAA-BA), foi destaque no seminário ‘Mulher em Foco’ realizado nesta sexta-feira (25), na Escola Superior de Advocacia Orlando Gomes (ESA-BA). O evento foi idealizado pela Comissão da Mulher Advogada da OAB Bahia, que convidou o diretor-tesoureiro da CAAB, Maurício Leahy, para representar a instituição e falar sobre a campanha que ganhou destaque nacional. As comissões da OAB-BA estiveram representadas pelas advogadas: Andrea Marques, Lia Barroso, Cínzia Barreto de Carvalho, Dandara Lucas Pinho, Angela Ventim, Juliana Camões e Dora Zalcbergas.

Andrea Marques

Andrea Marques

Andrea Marques, presidente da Comissão da Mulher Advogada, participou do seminário no ‘Painel 1 – Plano Estadual da Mulher Advogada (PEMA): conquistas, avanços e projetos’ e contou que o evento objetivou apresentar os tópicos mais importantes do Plano, aprovado pela seccional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-BA) em 05 de maio de 2017. Ela explicou que o conteúdo trata sobre o papel e a atividade da Comissão da Mulher Advogada, e traz dentro de um dos seus artigos o papel de competência fundamental da Comissão de Proteção aos Direitos da Mulher “que em 2016 passou a ser uma comissão especificamente para cuidar da mulher baiana, não somente estagiárias ou advogadas, a mulher na sociedade”. A presidente acredita que a partir do PEMA foi possível atingir temas como “o assédio, o respeito à mulher, suas prerrogativas e condição feminina, o racismo, o esporte e sobre a mulher advogada idosa, a mais esquecida de todas”. Andrea disse que essa temática já era uma preocupação antiga e que as comissões envolvidas ficaram muito felizes quando a CAAB entrou na luta com a campanha nacional. “Essa parceria com a CAAB é para sempre, de extrema relevância”. Ela concluiu garantindo que outras temáticas ainda precisam ser abordadas, pois o trabalho em prol das mulheres é contínuo.

Lia Barroso

Lia Barroso

Quem também abriu o evento foi Lia Barroso (presidente da Comissão de Proteção aos Direitos da Mulher da OAB-BA). Ela declarou que “se a prerrogativa do homem é desrespeitada a da mulher é ainda mais”. Sobre a campanha da CAAB, Lia disse que foi uma ação muito importante. Para ela “o leque é muito grande e precisamos trabalhar nisso não só na realidade atual, mas pensando também no futuro”, referindo-se a educação de crianças e jovens para que tenham respeito do ponto de vista igualitário entre homens e mulheres. “Para que os vejam no mesmo prisma, diferentes biologicamente, mas iguais em direitos”.

Maurício Leahy

Maurício Leahy

O diretor-tesoureiro da CAAB, Maurício Leahy, único homem a compor a mesa alta no seminário, declarou estar orgulhoso  pela oportunidade de representar a instituição e tratar de um tema tão importante para a sociedade. Ele abordou o aumento da violência contra a mulher, alertando sobre o aumento dos números de estupro coletivo no país registrado nos últimos anos. O diretor falou ainda sobre o assédio na vida profissional da mulher advogada e das estagiárias, detalhando a abordagem da campanha CAAB ‘Advogada: Respeite uma: Respeite TODOS’, o que despertou o interesse da procuradora Luciane Rosa Croda, que estava na platéia e solicitou o material gráfico e digital para divulgação também na Procuradoria Geral do Estado (PGE-BA).

Cínzia Barreto

Cínzia Barreto

A advogada e professora Cínzia Barreto de Carvalho (presidente da Comissão de Ensino Jurídico) disse que são tantas frentes de apoio para o tema que acaba gerando o que ela define como “conflito positivo”. Segundo ela isso é muito bom, “o ruim é quando ninguém quer meter a mão”. Ela falou ainda sobre a responsabilidade que existe no “micromundo”, dentro dos lares onde os filhos são educados. Garantindo que “o modo como eu educo meus filhos vai fazer a diferença”.

_CAB0658

Juliana Camões e Dandara Lucas Pinho (direita)

O evento seguiu com outros painéis:
Painel 2 – As mulheres advogadas, o racismo e o racismo institucional com Dandara Lucas Pinho (presidente da Comissão Especial de Promoção à Igualdade Racial da OAB Bahia), que propôs um minuto de silêncio em respeito as mortes na tragédia ocorrida essa semana em Mar Grande e Lívia Maria Santana Vaz (promotora, coordenadora do GEDEM – Grupos de Atuação Especial de Defesa das Mulheres e da População LGBT e de Proteção dos Direitos Humanos e Combate à Discriminação – GEDHDIS- do MP-Bahia);

Painel 3 – As advogadas da Bahia e o esporte feminino no Estado Democrático de Direito. Angela Ventim (presidente da Associação Brasileira de Mulheres em Carreira Jurídica – ABMCJ-BA) e Juliana Camões (diretora de relações institucionais da Comissão de Esportes, membro da Comissão da Mulher Advogada e do Conselho Consultivo da Jovem Advocacia).

Painel 4 – A advogada idosa e a lei Maria da Penha: uma luta contra a violência e o preconceito. Dora Zalcbergas (presidente da Comissão do Idoso).

Pautas para a Comissão da Mulher Advogada devem ser enviadas para: [email protected].

O seminário ‘Mulher em Foco’ é parte da celebração alusiva ao Dia da Advocacia, que ocorre durante todo o mês de agosto na ESA-BA.

Deixe seu Comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.